> > >
untitled

Acessibilidade e indicadores de emprego, tempo e distância de viagens: uma análise da Região Metropolitana de Goiânia

da Silva Gonzaga, Ana Stéfany - Kneib, Érika Cristine
   
Editor:
Facultad de Filosofía y Letras, Universidad de Buenos Aires
Fecha:
2020-08-03
Tipo de documento: 
info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion
Formato:
application/pdf
Idioma:
spa
Temas:
accessibility indicators - public transportation - metropolitan transport - Indicadores de acessibilidade - Transporte público - Transporte metropolitano.
Descripción:
Nas metrópoles brasileiras, a ocorrência de deslocamentos pendulares constantes se faz característica de grande relevância mas que também gera grandes desafios. Para os gestores públicos de cada um dos municípios componentes de regiões metropolitanas, é de fundamental importância conhecer as necessidades e a disponibilidade de atividades no território, bem como o perfil dos deslocamentos de suas populações. Com isso, torna-se possível desenvolver diagnósticos coerentes com a realidade de cada município e também compreender o funcionamento da região metropolitana como um todo. Diante de tal abordagem e tendo a Região Metropolitana de Goiânia (RMG) como objeto de estudo, este trabalho se insere com o objetivo de explorar o uso de indicadores de acessibilidade como ferramentas que auxiliam o planejamento e a gestão urbana a partir de um estudo concentrado em características como o tempo gasto e a distância percorrida em viagens, bem como a oferta de empregos nos diversos municípios. Dentre os resultados obtidos neste trabalho está a identificação de características que indicam a falta de prioridade ao transporte público frente aos modos motorizados individuais, o que agrava as condições de acessibilidade e mobilidade urbana nas relações metropolitanas. Além disso, observa-se uma concentração de atividades que provoca certo desequilíbrio ao contribuir para condições de saturação na capital enquanto outros municípios apresentam características de cidade dormitório.
In the Brazilian metropolis, the occurrence of constant commuting is a feature of great relevance, but also presents great challenges. For the public managers of each of the municipalities that are components of metropolitan areas, it has fundamental importance to know the needs and availability of activities in the territory, as well as the profile of the displacements of their populations. With this, it becomes possible to develop diagnoses consistent with the reality of each municipality and also to understand the functioning of the metropolitan region as a whole. In view of such an approach and having the Metropolitan Region of Goiânia (RMG) as an object of study, this work is inserted with the objective of exploring the use of accessibility indicators as tools that help planning and urban management from a concentrated study in characteristics such as the time spent and the distance traveled in trips, as well as the offer of jobs in the several municipalities. Among the results obtained in this work is the identification of characteristics that indicate the lack of priority to public transport in relation to individual motorized modes, which aggravates the conditions of accessibility and urban mobility in metropolitan relations. In addition, there is a concentration of activities that causes a certain imbalance by contributing to saturation conditions in Goiânia (capital of the state of Goiás) while other municipalities present characteristics of a dormitory city.
Fuente:
Revista Transporte y Territorio; Núm. 22 (2020): Migraciones y territorio
Relación:
http://revistascientificas.filo.uba.ar/index.php/rtt/article/view/5529/7354
Identificador:
http://revistascientificas.filo.uba.ar/index.php/rtt/article/view/5529
10.34096/rtt.i22.5529
http://repositoriouba.sisbi.uba.ar/gsdl/cgi-bin/library.cgi?a=d&c=transter&d=5529_oai
Derechos:
Derechos de autor 2020 Revista Transporte y Territorio

Cita bibliográfica:

da Silva Gonzaga, Ana Stéfany ; Kneib, Érika Cristine  (2020-08-03).  Acessibilidade e indicadores de emprego, tempo e distância de viagens: uma análise da Região Metropolitana de Goiânia.  (info:eu-repo/semantics/article).  Facultad de Filosofía y Letras, Universidad de Buenos Aires.  [consultado:  ] Disponible en el Repositorio Digital Institucional de la Universidad de Buenos Aires:  <http://revistascientificas.filo.uba.ar/index.php/rtt/article/view/5529>